Montevidéu – Dia 1 – URUGUAI

O Uruguai é um país com muitos pontos positivos:

– é parado no tempo

– não tem carros

– é prosaico

– é frugal.

Montevidéu, a capital, é linda e traz tudo isso à tona. As pessoas vivem bem, com calma, com segurança e com muita qualidade de vida.

Os salários no Uruguai são baixos. As opções de gastronomia são poucos e ficam mais restritas à carne e seus acompanhamentos. O comércio é pouco diversificado. Mas a vida é boa, muito boa.

Não se vê miséria, não se vê sujeira. Se vê, sim, um país congelado no tempo da melhor maneira possível.

Qualquer passeio pode começar pelo centro da cidade, pela Avenda 18 de Julho e sair em direção à Ciudad Vieja, o lugar mais bonito da cidade. Na porta do centro antigo, está a sede do governo e o famoso Palácio Salvo, cartão postal de Montevidéu. O palácio é um edifício de apartamentos. Já foi o mais alto da América Latina, na época de sua construção em 1925. Hoje, você não pode entrar, principalmente se estiver em grupo, com camisa do Flamengo e com uma máquina de retratos à vista. Mas se entrar tipo “sou morador”, você vai até o topo e tem uma bela visão de Montevidéu.

É bem ali perto que está o famoso Teatro Solis, que você pode entrar para conhecer ou já comprar o ingresso para algum show à noite.

De lá, adentre a Ciudad Vieja e vá até o Mercado do Porto.

Mercado do Porto

Com quase 150 anos de história, o Mercado do Porto de Montevidéu reúne dezenas de restaurantes com parrilhas assando carnes, queijos e pães.

Mercado do Porto

É recomendável fugir dos restaurantes que estão aparentemente nas melhores quinas do prédio para entrar no galpão e aprofundar-se mais um pouco em estabelecimentos cujo foco é a comida.

Tiver sorte de ir com amigo uruguaio que me levou direto ao Don García. Sentamos no balcão.

Almoço no Mercado do Porto

Rapidamente ele pediu pão com chimi-churri, linguiça, entrecote e provolone. Tudo já vem em porções fatiadas que você vai comendo com pão.

DSC04045

A parrilha uruguaia é simples, mas a linguiça no país, assim com o leite, tem alta qualidade. As carnes de boi também têm cortes diferentes dos encontrados no Brasil, além de serem sempre muito macias.

DSC04054

O passeio ao Mercado do Porto também pode ser complementado com uma outra volta na Ciudad Vieja, bairro mais legal de Montevidéu. Lembra um pouco San Telmo, em Buenos Aires, com restaurantes, cafés e lojinhas por todos os cantos, além de feiras ao ar livre próximas ao Mercado e na Peatonal Sarandí.

Ciudad Vieja

Quando caminhávamos do meu hostel ao Mercado del Puerto, passamos por uma praça com uma história curiosa. Aparentemente seu arquiteto se revoltou contra sei lá o que durante o projeto da praça. Para tornar público seu protesto, pensou numa maneira de avacalhar a grade da cerca da praça. Consegue identificar o que foi desenhado em ferro?
DSC04035

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s